Médico de Divinópolis (MG) mostra exames e diz que CoronaVac não o imunizou contra covid-19, reivindica revacinação (vídeo)

O médico Delano Santiago, da cidade mineira de Divinópolis em entrevista ao site Divinews explicou que por ser da linha de frente da covid-19 tomou a primeira dose da vacina CoronaVac no início do mês de janeiro, e após 21 dias tomou a segunda dose. Depois de três meses resolveu fazer o exame de “titulação de anticorpos neutralizante”, e constatou que o resultado apresentado naquela ocasião sinalizou que ele estava sem nenhuma proteção imunizante contra o vírus – Seis meses após ter tomado a vacina, ou seja, três meses depois do primeiro teste, fez um novo exame, “anticorpos neutralizantes Anti-Sars-Cov-2” e novamente o resultado foi que no grupo de variantes 1 do vírus que teve origem em Wuhan na China, e o 201/501Y/V1, do Reino Unido, o resultado foi de 11,4%, e ainda no resultado do grupo de variantes 2, 20H/501v.2, da África do Sul e a variante do Brasil 20J/501Y.V3 o resultado apresentado foi de 13.2%, que segundo o médico não chegou sequer a 20%, com isso ele concluiu que não está imunizado e reivindica ser revacinado.


Delano diz que atende cerca de 10 pacientes por dia, com covid-19 , tanto do SUS, no posto de saúde em que trabalha no Bairro Bom Pastor, quanto no seu consultório particular, ele entende que como linha de frente tem direito a uma revacinação. “porque essa coronavac comigo não funcionou”.

O médico fez ainda um alerta para que a população tenha cuidado e continue se protegendo como ele faz, usando máscara. Porém, observou que existem muitas pessoas morrendo mesmo tendo recebido a vacina.

“Peço a Deus que tenha sido só eu no Brasil inteiro que a coronavac não valeu de nada. Tomara que tenha sido só eu por que tem muita gente morrendo que já foi vacinada”, afirmou o médico.

Que concluiu: “Mesmo assim, não se pode deixar de tomar vacina de forma nenhuma. No meu caso é que não funcionou”, disse.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Sargento da Marinha morre afogado em praia de Maceió

Fuzileiros Navais de Luto. Faleceu o Sargento Flávio Freitas

Faleceu Jonaldo Batista, ex-árbitro de futebol do RN