NOTÍCIAS

Cristhiane Neves, da SADEF, é bronze no Mundial de parataekwondo na Turquia



Cristhiane Neves, da Sadef, repetiu resultado de 2019

A Turquia já está marcada na história da potiguar Cristhiane Neves. Isso porque no país euro-asiático, a atleta conquistou suas duas medalhas de bronze em campeonatos mundiais de Parataekwondo. A última, nesse fim de semana, na capital Istambul.

Cris integrou a maior delegação brasileira da história na competição, com 16 atletas, e repetiu o feito do Mundial anterior, em 2019. “É sempre um desafio se manter no pódio em um Mundial, e eu fico muito feliz em subir nele mais uma vez, dois anos depois”, comemora a atleta da Sadef (Sociedade Amigos do Deficiente Físico do RN).

Cristhiane começou no parataekwondo em 2014, e desde então já foi campeã brasileira 3 vezes, inclusive em 2021. Ela tem 34 anos, e aos 28 sofreu uma amputação braço esquerdo, abaixo do cotovelo, devido a um acidente de motocicleta. Na modalidade, disputa a classe K44, para atletas com deficiência em um dos braços.

No Mundial da Turquia, o Brasil também teve o melhor resultado da história, com 7 medalhas, o segundo lugar entre as melhores, e quarto lugar geral da disputa.

Orgulhosa, vestindo a camisa da SADEF e com sua merecida medalha na mão.

No pódio, abraçada à bandeira do Brasil.


Postar um comentário

Please Select Embedded Mode To Show The Comment System.*

Postagem Anterior Próxima Postagem