Blog do Cyrillo

Tarcísio Gonçalves. Da feira para o palácio

Não se surpreendam se em 1º de janeiro, o ex-feirante e servidor público da SEMSUR em Natal, Tarcísio Golçalves, o Tatá, estiver tomando posse como vereador da capital potiguar.

Tarcísio está dando um verdadeiro show de persistência e organização na sua campanha de vereador.

De feirante a vereador. A persistência de um homem que nasceu para servir.

Sua equipe é composta de voluntários. São amigos de trabalho e familiares que se dispuseram a ir para a guerra com o "homem das feiras e mercados". 

Tarcísio é reconhecido como um competente servidor público do setor de feiras livres e mercados, da secretaria municipal de serviços urbanos de Natal, a SEMSUR.

Conheço e convivo com mais de uma dezena de funcionários da SEMSUR e Tarcísio é unamidade quando o assunto é mercados e feiras. Ele é apaixonado pelos dois segmentos.

O primeiro emprego dele foi como feirante - acompanhava o avô - na feira das Rocas. Cresceu e quis o destino que ele fosse trabalhar justamente coordenando às feiras de Natal. 

Tarcísio está de licença por causa da candidatura. Ele está concorrendo a uma das seis ou sete vagas que o PDT deverá conquistar em 15 de novembro.

"A candidatura de Tatá está tomando corpo entre os feirantes e permissionários dos mercados públicos. Todos estão abraçando à luta. Cada um que queira levá-lo ao seu bairro, à sua casa. A agenda dele está tomada de visitas e reuniões nos bairros de Natal", disse Anderson, um dos voluntários que ajuda Tarcísio na campanha.

Em tempo: São mais de mil natalenses que trabalham nas feiras, mercados e ruas de da cidade. Se essa turma se envolver na campanha de Tatá, poderemos ter uma grande surpresa em 15 de novembro.

Em tempo 2: Sou frequentador do mercado da 6, vou lá com uns amigos peladeiros com frequência. Perguntei sobre Tarcísio a alguns permissionários e senti o respeito que eles todos, sem exceção, têm pelo homem. 

Em tempo 3: Acredito em candidaturas assim. Elas vem do povo e são para o povo. Se cada segmento da sociedade se unisse e elegesse seus representantes, teríamos uma Câmara Muncipal sem vícios e viciados.

Em tempo 4: Sonho com o dia em que teremos, na Câmara Municipal, homens e mulheres eleitos sem comprar votos. Conquistando seus eleitores pela competência e capacidade de representar com probidade os cidadãos natalenses.

Em tempo 5: Boa sorte ao nobre amigo Tarcísio e a tantos outros candidatos decentes que estão na luta por uma cadeira no palácio Padre Miguelinho.

Cyrillo

Blogueiro político em busca de divulgar as verdades escondidas nos atos dos atores políticos.

1 Comentários

Please Select Embedded Mode To Show The Comment System.*

Postagem Anterior Próxima Postagem