DESINCOMPATIBILIZAÇÃO. Marcelo Queiroz deixa a briga pela vaga de vice

O prazo para ser candidato em 2020, no caso de Marcelo Queiroz da FECOMÉRCIO, passou. 

Ele, caso desejasse ser candidato em novembro, teria que ter deixado o comando da Federação do Comércio em 04 de junho. 

Presidente do Sistema Fecomércio RN, Marcelo Queiroz, entr… | Flickr
Como a FECOMÉRCIO recebe recursos públicos, Marcelo deveria ter se desincompatibilizado em 4 de junho. 

Segundo especialistas em lei eleitoral, o prazo de Queiroz passou.

Em tempo: Se Marcelo não deixou a função em sigilo, sem propagar, está fora do pleito.

Em tempo 2: Acompanhando suas redes sociais e a da Federação, vê-se que ele continuou suas atividades no comando da instituição, normalmente.

Em tempo 3: Alguém sabe o motivo da desistência? 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Sargento da Marinha morre afogado em praia de Maceió

Fuzileiros Navais de Luto. Faleceu o Sargento Flávio Freitas

Fuzileiro Naval é encontrado morto dentro do quartel