Briga de Trânsito. Suboficial Fuzileiro Naval é assassinado em Manaus

Via: d24am.com 

Manaus/AM - O Suboficial Escrevente Fuzileiro Naval, Sidney Fonseca de Jesus, 46, morreu na noite desse domingo (4), após se envolver em uma discussão de trânsito no bairro Colônia Terra Nova, na Zona Norte.

A esposa, que presenciou o assassinato, contou à polícia que os dois estavam passando de carro pelo loteamento São Luiz, por volta das 20h, quando colidiram com outro veículo onde estavam cinco homens.

Sub Fonseca servia em Manaus. A esposa dele foi espancada e está internada num hospital da cidade.


O motorista e o subtenente começaram a discutir e em dado momento, eles partiram para a agressão física até que o grupo inteiro se envolveu e espancou Sidney.

Não satisfeitos, os homens se armaram com pedaços de madeira e mataram o oficial da Marinha a pancadas na frente dela.

Antes de fugir, eles ainda roubaram a carteira e o telefone da vítima. A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), apura o caso e tem pelo menos duas linhas de investigações.

Carro do casal após a batida. Militar não deve andar desarmado. Se liguem, guerreiros!


Em tempo: Conheço a esposa do militar. Ela é potiguar e sua família inteira mora em Natal.

Em tempo 2: Que bom seria se o BT Tonelero com sua 2ª CIA Ações de Comandos pudesse entrar em ação e "quebrar" esses cinco filhos do Satanás.

Em tempo 3: Alô 63, Carcará e Pedro Velho, vamos dar uma volta em Manaus? 

Em tempo 4: Ruster, Vero, Wamber, França, Liro-liro e Tiber estão prontos e equipados. Digam somente a hora do embarque. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

SEMSUR. Feiras livres voltarão a funcionar nesse final de semana

Vereador de Extremoz chama diretora de escola para "trocar balas".

Fuzileiros Navais de Luto. Faleceu o Sargento Flávio Freitas