Gestão de Bertone Marinho no PV prejudica atuais pré candidatos

Givaldo Melo, candidato em 2018 ao cargo de deputado estadual e mais seis filiados não tiveram suas prestações de contas feitas pelos advogados e contadores - contratados na época - e estão inelegíveis por quatro anos. 

INELEGÍVEL. O carismático Givaldo Melo está uma fera com o ex-dirigente do PV Bertone Marinho.

São sete pré-candidatos na legenda verde que não poderão concorrer ao pleito de outubro próximo por causa do irmão de Gesane Marinho.

Segundo a direção do partido, essa omissão de Bertone Marinho está causando revolta entre os filiados prejudicados.

Bertone foi presidente do PV estadual em 2018. Pré candidatos estão revoltados com a omissão do ex-dirigente.

O partido já está recorrendo da decisão do TRE. "Os advogados e contadores já estão preparando a defesa e se tudo correr bem, vamos reverter essa situação", afirmou um  dos pré candidatos.




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

SEMSUR. Feiras livres voltarão a funcionar nesse final de semana

Vereador de Extremoz chama diretora de escola para "trocar balas".

Fuzileiros Navais de Luto. Faleceu o Sargento Flávio Freitas