Júlia Arruda na encruzilhada. Prefeita ou vereadora?

Solidariedade, PSB, PDT ou PT. Essas são as opções que já bateram na porta da vereadora Júlia Arruda.

Prima de Fábio Dantas, esposo da deputada estadual Cristiane Dantas, Júlia Arruda foi convidada para ingressar nos quadros do partido do Faraó *Kelps Lima. No SD, Júlia enfrenta a negativa dos vereadores Fúlvio e Klaus "do Bem", que juntos da maioria dos pré candidatos, não topam tê-la na nominata. Julgam que é muito forte nas urnas.

Cristiane tenta levar Júlia para os braços do Faraó

No PSB, que receberá nos próximos dias, de forma oficial, o deputado e pré candidato a prefeito Hermano Morais, Júlia se elegeu para o primeiro e segundo mandatos. Lá ela enfrenta o mesmo problema que no Solidariedade. A nominata que já vem se formando, não admite vereador com mandato na chapa. É algo que Hermano vai ter que costurar, caso queira a vereadora ao seu lado, nas trincheiras.

Júlia é referência na câmara e Hermano no legislativo estadual. Dois reconhecidos e premiados parlamentares

No PDT, o partido que ela se elegeu em 2016, Júlia retornaria a ser comandada por Carlos Eduardo (caso ele não perca o partido) e teria que rezar na cartilha do prefeito Álvaro Dias, muito amigo do seu pai. 

Serão pelo menos três os vereadores que Júlia deverá convencer a recebê-la de volta: Nina Souza, Chagas Catarino e Ari Gomes. Quatro vereadores numa chapa, precisarão de pelo menos 48 mil votos, todos juntos para eleger o quarteto. 

Júlia é da casa de Fátima Bezerra. Essa intimidade ajuda no plano para ela assinar a ficha do PT

Aliás, o PDT foi a casa de Leonardo Arruda durante muitos anos e em diversos mandatos. Ele rompeu com os democráticos trabalhistas em agosto de 2018, véspera das eleições estaduais. Deixou Carlos Eduardo e deitou no colo dos "trabalhadores".

Será que tem retorno? A bela voltará para os braços da fera?

Júlia e o PT

O pai foi coordenador da campanha vitoriosa de Fátima Bezerra ao governo, Natália Bonavides planeja ser mãe em 2020, Mineiro não vive um bom momento, Alexandre Motta ainda não maturou e o senador Jean Paul também não entrou no circuito do eleitor potiguar. Assim está baseado o debate da sucessão da capital na casa da irmã de Tetê Bezerra.

Leonardo e Fátima gozam de boa amizade desde sempre. Foto da campanha de 2008.

Júlia tem seu nome lembrado pela governadora para encabeçar a chapa de prefeito de Natal, mas, como é sabido, não é bem vista nos grupos mais radicais do PT. Algo natural pelo histórico de partidos que a vereadora já sentou praça e muito mais pelo sobrenome e o passado de oligarquias que o pai já foi namorado. 

Imagina os barbudos liberais, de camisetas vermelhas, faixa nas mãos, punhos cerrados, gritando com muita força as seguintes palavras, em frente à prefeitura do Natal: "Ei, Natal, precisamos de ajuda! Pra prefeita nós queremos Júlia Arruda!"; "Têtererê: Júlia Arruda é PT".

Belas, porém antagônicas. Manuella Dávila e Júlia Arruda. Ou alguém imagina Júlia com discurso esquerdista-radical?

Júlia obteve as seguintes votações nas eleições de 2008, 2012 e 2016: 5.541, 5.930 e 5.765. Ela, dentre os vereadores que se reelegeram na câmara municipal, é a que menos variou negativamente sua votação. Uma raridade que demonstra, de forma positiva, como a população da cidade ver o mandato da parlamentar.

Resumo do blog: Júlia é ótima vereadora, mas como todos os vereadores que obtiveram votação expressiva nas últimas eleições, terá dificuldades para ser recebida nas chapas de cada um dos partidos que estão no jogo de 2020.

 *Kelps - Quéops, Khufu em egípcio antigo, foi um faraó do Reino Antigo do Antigo Egito. Reinou por volta de 2551 a.C. a 2528 a.C. Foi o segundo faraó da Quarta Dinastia. Kelps-Quéops era filho do faraó Snefru e, ao contrário de seu pai, foi lembrado como sendo cruel e sem piedade. 


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

SEMSUR. Feiras livres voltarão a funcionar nesse final de semana

Vereador de Extremoz chama diretora de escola para "trocar balas".

Fuzileiros Navais de Luto. Faleceu o Sargento Flávio Freitas