"BOZO GENOCIDA". Professor universitário é flagrado pichando muro

Via: Terra Brasil Notícias

Um professor aposentado da Universidade de São Paulo (USP) foi pego pichando uma propriedade privada. Em flagrante, o homem foi encontrado escrevendo “Bolsonaro genocida” em um muro e obrigado a apagar, na sequência.


Se essa moda pega, tenho uns amigos professores de federais que já foraam comprar latas de tinta na CONJOL do Alecrim.
Plantonistas da Resistência estão jogando pesado. 





Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fuzileiro Naval é encontrado morto dentro do quartel

Faleceu Jonaldo Batista, ex-árbitro de futebol do RN

Soldado Fuzileiro Naval está desaparecido há três dias