Qual vereador tem 100 indicados na prefeitura do Natal?

Para entrar o final de semana de alto astral, segue a seguinte reflexão: como competir de igual para igual, numa eleição para vereador, se seu concorrente tem 100 cargos na prefeitura? E se o outro tiver 80 cargos? E se um terceiro tiver 60 indicações? 

Álvaro precisa urgentemente de aulas de matemática

Existe de verdade, vereador da capital potiguar que tem mais de 100 indicações na estrutura da prefeitura, entre cargos comissionados e terceirizados, espalhados por todas as secretarias da gestão.

Se cada um desses empregados lhe render um média de 20 votos? Lascou! o homem já começa com 2 mil votos.

É. Sabemos que esses cargos são distribuídos estrategicamente entre as lideranças de bairros, líderes de instituições e coordenadores de campanha dos vereadores.

Será que esses dados não deveriam ser abertos ao público? O livro do chefe de gabinete civil e aquela planilha secreta que o gabinete tem, não deveriam ser expostos? 

Como competir nas urnas contra uma estrutura dessas?

Um vereador mais próximo do prefeito supera os 100 indicados; o rei da zona sul tem mais de 80; o outro, fortíssimo na região oeste, tem perto de 60 indicações.

Como competir com esse povo? Como um vereador de oposição vai ter chance de competir eleitoralmente com um prestigiado desses?

O presidente da câmara tinha um indicado, o presidente da federação de futebol, Zé Vanildo, na secretaria de esportes (trabalhamos juntos). O futebolista deixou a SEL e assumiu, em seu lugar,  a ex-atleta de basquetebol, Dani Mafra, que herdou o cargo por pura competência. Paulinho nada teve a ver com sua permanência.

É a primeira vez, na história recente da capital, que um presidente de câmara não tem uma secretaria para chamar de sua. 

Vejam vocês o tamanho do desprestígio de Paulinho: Júlio Protásio, marido da vereadora Ana Paula, que é oposição ao governo, tem mais cargos na estrutura da prefeitura que o presidente da casa legislativa.

Vereadora Ana Paula. Oposicionista com cargos importantes na gestão

Ranieiri, habilidoso que ele só, pode dar uma aula ao prefeito

Paulinho, principal aliado de Álvaro, quase não tem espaço na gestão. Talvez ele não queira, mas que é estranho é.

Qual é o aparelho que o prefeito usa para medir a importância de cada vereador? Eu ainda acho que Álvaro precisa tomar um chá de "natalício". Não conseguiu ainda se adaptar aos ares da capital. Esses três vereadores juntos não transferem um terço dos votos que estão verbalizando. 

Alô vereadora Carla Dickson, ajude o prefeito a enxergar direito. Sua clínica de oftalmologia atende pelo SUS?

Vamos chamar o PROCON, chamar para um futebol lá em Magela e jogar no bicho. Prefeito, jogue no ELEFANTE. Se der "na cabeça", o senhor ganha essa eleição no primeiro turno.

Sintonia mais que perfeita. Ranieri e CE nunca erraram na medida

Em tempo: Ranieri Barbosa e Carlos Eduardo nunca erraram. Um era o mais votado e o outro reeleito. Parceria perfeita. Álvaro, chama Ranieri que ele te mostra como se faz!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

SEMSUR. Feiras livres voltarão a funcionar nesse final de semana

Vereador de Extremoz chama diretora de escola para "trocar balas".

Fuzileiros Navais de Luto. Faleceu o Sargento Flávio Freitas